Programa Start-Up Brasil

O que é?

O Programa Nacional de Aceleração de Empresas Nascentes de Base Tecnológica em TICs (Startups), Start-Up Brasil, é uma iniciativa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) em parceria com o CNPq e aceleradoras de startups e gestão operacional da SOFTEX. Conta ainda com o apoio da Apex-Brasil e do Ministério das Relações Exteriores em ações de projeção do Programa em atividades internacionais.

O Programa tem como objetivo apoiar startups brasileiras e internacionais que desenvolvam software, hardware, serviços de TI ou que se utilizem destas tecnologias para inovar, contribuindo assim para o desenvolvimento econômico sustentável do país e o aumento da competitividade brasileira nesse setor.

O incentivo à criação e desenvolvimento de startups é um dos mecanismos de política pública de CT&I de incentivo à inovação tecnológica. As startups cumprem com a função de continuamente revitalizar o mercado. Mas para que possam de fato nascer e crescer, necessitam de um ambiente econômico propício. A figura da aceleradora de startups surge nesse contexto como um agente geralmente de origem privada e com capacidade de realizar investimento financeiro, fortemente orientado a preparação de empresas para o mercado (aceleração). Tudo com o propósito de direcionar e potencializar o desenvolvimento destas startups.

Como funciona?

O Programa funciona por edições, com duração de um ano, e realiza chamadas públicas para habilitar aceleradoras e para a seleção de projetos startups. As startupsreceberão até R$ 200.000,00 em bolsas do CNPq cada uma, para apoio a P,D&I.Além disso, as startups recebem investimentos financeiros das aceleradoras e passam por um processo de aceleração de negócios de até 12 meses que agrega funções de mentoria, gestão de projeto, conexão e teste de validação de mercado, acesso à investidores em segundo nível, etc.

O Programa também contempla a realização de eventos denominados Demo Days (de demonstração ou graduação) voltado para aquelas empresas que apresentaram um maior grau de maturidade considerando-se o binômio tecnologia-negócio. Nestes eventos as empresas têm a oportunidade de apresentar seus produtos, serviços e seu plano de expansão junto a um público composto por investidores privados, de governo e outros possíveis atores interessados. Além disso, o Programa também realiza eventos denominados Welcome Aboard. Por meio deste é possível dar “as boas-vindas” àquelas startups que tiveram seus projetos selecionados em cada ‘turma’.

Este evento consiste em iniciar os novos integrantes na cultura do Programa apresentando a equipe ‘somos_startup_brasil’. Na ocasião, existe uma apresentação sobre a lógica do Programa por parte do MCTIC acompanhada de apresentações do CNPq e da Softex e das aceleradoras participantes. O evento segue com a apresentação de casos de sucesso do Programa e rodas rápidas de mentoria em várias áreas oferecidas gratuitamente aos presentes pelas aceleradoras parceiras do Programa.

Voltar ao topo